Como educar seu cachorro – Parte 2

O blog mudou de endereço, você pode ler esse texto em:

http://lameduck-br.blogspot.com/2009/01/como-educar-seu-cachorro-parte-2.html


1. Começando a Ensinar o Cachorro

Depois que criou suas regras simples e direta é hora de escolher seu sinal ou palavra de reprovação.
Em geral, eu bato palma apenas uma vez, em sinal de reprovação. Por ser um sinal sonoro fácil de indentificar e por possuir potência suficiente para o cão me ouvir mesmo que ele saia correndo feito louco, caso tenha escapado.

Se quiser usar a fala para chamar a atenção do cão é importante usar SEMPRE A MESMA PALAVRA.
Em geral recomendo o uso de “NÃO” por ser bem sonoro também.

Muito bem. O cachorro acabou de chegar ao seu novo lar.
Aqui a primeira coisa que educo é não entrar em casa, cachorros ficam apenas no quintal.

Por isso assim que o cachorro chegar é importante brincar com ele do lado de fora, passar um tempo com ele. ( por isso adquira um cão num dia que tenha bastante tempo ).

Assim que você parar com a brincadeira e entrar em casa, é normal o cachorro não entender que a brincadeira acabou.
E logicamente ele não saberá que não pode entrar na casa e por isso irá te seguir.

Assim que ele entrar:
1. Use o sinal de reprovação ( palavra Não ou bater a palma 1 vez ) e Olhe diretamente para ele ( é importante sempre olhar diretamente para o cão, para ele saber que é REALMENTE com ele que você está se comunicando )
-> Feito isso, o cachorro não vai fazer nada, afinal ainda não sabe que isso é um sinal de reprovação.

2. Continue olhando para ele. Espere alguns poucos segundos. E então pegue ele e coloque ele para fora.

3. Agora entre na casa. É praticamente impossivel o cão entender o que está acontecendo no início. Por isso ele vai seguir você novamente e entrar na casa.

Assim que e o cão entrar repita os passos  1, 2 e 3. Será preciso repetir umas 5 vezes.
Algumas vezes o cão passa a entender, assim que você dá o sinal, que ele deve ir para fora.

O problema é que alguns podem achar que isso é uma espécie de brincadeira. Por isso mesmo indo para fora, em seguida eles voltarão para dentro.

Depois de fazer umas 5 vezes a mesma coisa ( você já deverá estar cansado dessa coisa chata ).
Entre na casa e encoste a porta, assim o cão não entrará.

Dê um tempo ( depois de umas 2 ou 3 horas ) e em seguida vá fazer um carinho no cachorro ou brincar  com ele.
Depois que brincar, volte para dentro de casa e deixe a porta aberta. E veja se o cachorro entra ou não.
Se entrar repita os passos 1,2 e 3 mais umas 5 vezes.

Sim, educar um cão leva tempo a princípio, mas vale a pena a longo prazo.

Se o cachorro não entrar, ótimo. Ele está começando a se acostumar.
Mas não pense que ele vai ficar muito tempo sem entra, afinal a parte de dentro é um mistério e o pobre animal precisa se aventurar a conhecer o local.

Por isso, mantenha a porta aberta, mas fique em algum lugar próximo. Onde possa perceber se o cachorro entrou ou não.
Assim que ele entrar, dê o sinal de reprovação.

Isso é importante, para o cachorro sentir que é vigiado “sempre”. Se no principio você der as costas e ele entrar e ninguém chamar a atenção dele, ele vai querer sempre entrar escondido.

Então a principio quando não puder vigiar o cão enconste a porta.
E com o tempo vá deixando a porta aberta mais vezes.


2. Ensinando no Passeio.

É comum no primeiro passeio o cachorro querer “te levar”. Não deixe isso acontecer.
Principalmente se o cachorro for de alguma raça grande.

Quando ele é pequeno, se ele “te levar” e em algum momento você cansar, você puxará a coleira.
Mas depois que ele crescer, esqueça, você não terá força para segurá-lo.
Por isso nunca deixe um cão “te levar”.

Ensinar o cão a acompanhar o passo de quem o leva é bom, porque você evita que seu cachorro fique te puxando se algum dia você torcer o pé no meio do caminho. Ou se ele for passear com algum idoso.

O que fazer para o animal aprender a passear?
Quando ele começar a andar mais rápido do que você deseja, pare de andar, segure a coleira e dê o sinal de reprovação.

A princípio será dificil ele entender que o sinal é de “reprovação” porque até o momento você só deu o sinal para ele quando ele entra em casa. Então ele pode entender que o sinal significa: “Sai de dentro de casa”.

Por isso tenha muita paciência ( e muito tempo no começo ).

1. O cachorro começou a andar mais rápido do que você quer.
Então pare de andar completamente e segure bem a coleira ( mantendo ela esticada ) e dê o sinal de reprovação.

2. O cão irá tentar puxar a coleira por um tempo. Assim que ele cansar e parar, dê um passo a frente para a corda da coleira afrouxar.
Em alguns casos o cão vai demorar um pouco para andar por estar cansado. Espere ele.

Depois que ele começar a andar, é comum ele querer começar a correr e te levar.
Então siga os passos 1 e 2.

Em pouco tempo ele vai desistir de “te levar”, até porque para ele é bem cansativo ficar puxando a coleira.

Como educar seu cachorro – Parte 1

O blog mudou de endereço, você pode ler esse texto em:
http://lameduck-br.blogspot.com/2009/01/como-educar-seu-cachorro-parte-1.html

Vejo muitas pessoas que tem cachorro, mas não sabe educar o animal.
Não é incomum você andar pela rua e do nada vir um Poodle ( ou outro cachorro ) e vir te encher o saco e morder sua calça.

Muitas vezes o dono pede desculpas.
Em outras o dono ainda tem a cara de pau de falar que o cachorro não morde, ou que se morde não dói.

Nessas horas eu já tenho vontade de falar:
– Mesmo que não doa a mordida dessa porra de cachorro, eu não quero minha calça com baba de cachorro.

Aliás acho uma tremenda falta de responsabilidade o cara sair com o cachorro sem coleira. NÃO IMPORTA A RAÇA, para mim cachorro tem que sair preso. Assim o dono pode “segurá-lo” em qualquer ocasião.
Mas isso é assunto para outro dia.

Atenção: O objetivo desse texto não será para seu bichinho fazer truques. Mas para que ele aprenda regras básicas de comportamento. Não latir para as pessoas na rua ( quando você estiver passeando com ele ), não latir para visitas, não entrar em casa, etc.

Então vamos ao que você precisa saber antes de começar a educar seu cão.


1. Sempre tenha em mente que seu cachorro fofinho vai crescer.
Por isso faça regras pensando em como será o cão adulto.
É comum o dono deixar o cachorro quando pequeno ficar dentro de casa o tempo todo. O cachorro pode fazer o que quiser, subir no sofá, etc.

E depois que cresce o dono quer o cachorro fora.
É HORRÍVEL para o cachorro essa mudança.
É como se você sempre fosse a casa de um amigo, e do nada ele fala que não quer que você vá mais lá. E não explica o porquê. É estranho, você se sentirá mau.
O mesmo acontece com o cachorro, por isso se não quer um cachorro adulto dentro de casa, faça a regra “Cachorros Fora” assim que o animal chegar.

Será muito mais fácil para ele entender as regras.

2. Cachorros são bons, eles sempre fazem o que te agrada.
Pode parecer estranho, mas é a verdade.
Cachorros sempre fazem algo para agradar o dono. Se ele sempre faz algo que não te agrada é porque você passou uma idéia errada para ele sobre o que ele deve e não deve fazer.

Por isso se o cachorro sai correndo atrás do carteiro ou fica latindo para visitas, é porque você não conseguiu informar para ele que isso não te agrada.
Então você precisa mudar seu comportamento para que o cachorro te entenda.

3. Animais não entendem português.

Por isso quando ele fizer algo errado não fale coisas como:
“Não é pra fazer isso, que é feio”
“Isso é muito mau, cachorro mau”
“Isso não me agrada em nada”

Cachorros podem aprender palavras, mas para isso você deve sempre falar o menos possível.
Por isso se quer que ele saiba que algo não te agrada use apenas uma palavra. E use sempre essa mesma palavra.
Pode-se escolher algo como “mau”, “ruim” ou “não”.
Lembre-se: Se for usar palavra use SEMPRE a mesma palavra para reprovação.

4. Crie Regras simples e Diretas. E também as obedeça.

Em geral costumo educar o cachorro para ficar fora de casa, se o cachorro fica fora de casa me evita de ter que ensinar outras coisas.
Como por exemplo que ele não deve subir na minha cama.

Então no meu caso a regra simples é:
“Cachorros Fora”

Ou seja, não importa o dia, a situação, o motivo. Cachorros devem ficar fora de casa.
Muita gente quer “cachorros fora de casa”, mas quando querem brincar com o cachorro, chamam o cachorro para dentro.

Isso é confuso para o cachorro ele pensa:
“Afinal eu posso entrar ou não?”
E com o tempo ele vai notar que quando é pra brincar, ele pode entrar.
Então LOGICAMENTE que se o cachorro quer brincar ele vai entrar na casa para procurar alguém para brincar com ele.

Isso mostra um “erro” ao passar uma regra para o cachorro.
Veja que mesmo que você queira educar seu cachorro para ficar fora de casa, seu hábito faz o cachorro entrar.

Por isso eu volto a dizer “Crie Regras Simples e Diretas”
Minhas regras em geral são:
“Cachorros Fora de Casa”
“Não Latir para as pessoas na Rua”
“Não Pular nas Pessoas ( e muito menos nas visitas )”


No próximo post você verá como começar a educar seu cão.

Selo

Já disse que nunca entendí direito essa história de Selo.
Mas é como dizem: “Tá na chuva é para se molhar!”

Pois bem, ganhei o selo do blog: http://alacarte-domeujeito.blogspot.com/

E vou mandar o selo para:
Triade Nerd -> http://atriade.wordpress.com/
Meu Jeito Barbie de Ser -> http://morewomen.blogspot.com/
Você me Faz Rir -> http://vocemefazrir.blogspot.com/
Filosofos Bebados -> http://filosofosbebados.blogspot.com/